em FILMES

TUDO POR UM POPSTAR

Atualmente está na moda adaptar para o cinema alguma obra da escritora Thalita Rebouças. O pavoroso É FADA, com a youtuber Kéfera, foi o primeiro, e ano passado tivemos o fraquíssimo FALA SÉRIO, MÃE, que mesmo com qualidade duvidosa, tinha um elenco talentoso. E agora temos TUDO POR UM POPSTAR, que comete um pecado, sacrilégio e blasfêmia ao colocar a própria autora como roteirista do filme.

Continue lendo