Aos dez anos de idade, a pequena Joan Lennon Sully se lembra de tudo que já lhe aconteceu e com detalhes. Ela sofre de uma rara síndrome de memória fotográfica seletiva, que permite que ela se lembre de cada frase de cada livro que leu, de todas as conversas que participou, das roupas de cada pessoa que viu, de cada trecho de programas de televisão que assistiu, e assim por diante. Mas ela acha que sua memória surgiu por causa de um pequeno acidente que teve aos cinco anos de idade, quando caiu de uma escada e bateu com a cabeça no chão. Assim, ela supõe que para perder essa capacidade e voltar a ser uma garota normal, basta bater novamente com a cabeça. Mas seu maior medo não é esquecer, mas ser esquecida. Da forma como aconteceu com sua avó, que morreu sem se lembrar quem era Joan, por causa do Alzheimer. Assim, Joan bola um plano para nunca ser esquecida: criar uma canção que fará com que todos se lembrem dela, da mesma forma que aconteceu com os Beatles.

Gavin é um colega da época da faculdade da mãe de Joan, um ator famoso e um ex-músico. Ele é casado com Sidney, um outro amigo da família. Um dia, do nada, Sidney tem um ataque cardíaco fulminante. De luto, Gavin perde a cabeça pela falta que sente do companheiro e coloca fogo nas suas coisas. Para tentar se recuperar, ele aceita passar um dias na casa da família de Joan. Em uma conversa com a garota, ele ouve detalhes minuciosos das visitas que Sidney fazia à mãe de Joan. Alguns desses detalhes são desconhecidos e apontam para ações de Sidney que Gavin desconhecia. Então, ele pede ajuda a Joan para continuar com os relatos e tentar descobrir porque Sidney mantinha segredos. Em troca, Joan pede que Gavin a ajude a compor uma música que a torne famosa e impeça as pessoas de se esquecerem dela.

A narrativa de OS PRÓS E OS CONTRAS DE NUNCA ESQUECER segue duas frentes. A primeira é a mais extensa e é a força motora dos acontecimentos: o projeto de Joan para criar uma música tão bonita, que não deixará as pessoas se esquecerem dela. É comovente o medo que a menina tem, principalmente por estar ligado ao falecimento da avó e ao desconhecimento de Joan de como funciona uma doença como o Alzheimer. Entretanto, o desejo de Joan pela canção não se limita apenas a esse mesmo, mas também a uma aproximação do pai, um compositor de singles mal sucedido que resolveu fechar o estúdio onde compunha. Joan ama aquele lugar, mas não tanto quanto o pai. E Joan sabe disso, ela sabe que aquele pequeno local de criação é o sonho de seu pai, e ao fechá-lo, será como se ele estivesse abandonando seus sonhos, um pedaço dele. Com a canção que pretende criar, Joan tem o plano de que o pai mude de ideia, volte a compor, de preferência, junto com ela.

A segunda frente narrativa, segue Gavin e sua busca para suportar a dor da perda do homem que amava e da dúvida sobre o motivo dos segredos que vão sendo descobertos com a ajuda da memória de Joan. Gavin não quer ter mais memórias de Sidney, porque as que tem, já são dolorosas demais. Mas, ao mesmo tempo, ele sente necessidade das novas memórias, que não são dele, mas de Joan, para viver, mesmo que parcialmente, as coisas que Sidney fez longe dele. É uma dualidade que o martiriza, que o faz sofrer mais ainda, mas da qual ele não consegue fugir. Mas a convivência com Joan não traz apenas memórias de Sidney, também traz memórias da época em que Gavin compunha, antes de ser o ator famoso de séries. Ele sente falta dessa rotina de criação, sente falta de colocar nas palavras seus sentimentos.

As duas narrativas correm em paralelo, em capítulos alternados, e, aos poucos, elas revelam pensamentos, desejos e emoções desconhecidas pelos próprios personagens. Joan descobre coisas novas sobre os pais, sobre ela mesma, sobre os medos que sente. Enquanto Gavin, não apenas descobre os segredos de Sidney, como também descobre a necessidade de ter uma família, de não ser apenas um casal. A presença de Joan em sua vida, desperta um sentimento paternal que ele nunca pensou ter, ou mesmo desejou ter. Essa união dos dois, que se consolida de forma minuciosa, é muito emocionante.

OS PRÓS E OS CONTRAS DE NUNCA ESQUECER é uma história sobre vários tipos de amor, sobre descobertas, sobre medos, sobre segredos, sobre sonhos. Mas, acima de tudo, é uma história sobre o reconhecimento de que não somos suficientes sozinhos, que precisamos daquilo que a vida nos proporciona de mais precioso: gerar uma nova vida, ou cuidar de uma nova vida. Emocionante, com dois personagens inesquecíveis.

Ah, e para quem for ler, vale um destaque para o capítulo onde Joan e Gavin participam de um programa de perguntas e respostas na televisão. É hilário, crítico, que demonstra o ponto de ruptura de ambos os personagens de uma forma criativa e divertida. Leia logo!

E para finalizar, claro, sobre o sorteio de um exemplar de OS PRÓS E OS CONTRAS DE NUNCA ESQUECER, basta seguir as regras abaixo!

REGRAS

UM: Preencher o formulário de participação, sendo que existem entradas obrigatórias, que valem um ponto cada uma, entradas opcionais, que valem cinco pontos cada uma, e uma entrada diária opcional, que vale cinco pontos a cada dia que você a fizer. Quantos mais pontos você somar, mais chances tem de ser sorteado;

DOIS: Deixar um comentário neste post;

TRÊS: O ganhador precisa ter endereço no Brasil para receber o prêmio;

QUATRO: Após 31/03/2019, será feito o sorteio pelo formulário de participação;

CINCO: O prêmio será enviado em até 30 dias úteis, após divulgado o resultado. O blog não se responsabiliza por extravios, danos ou roubos do prêmio enviado;

SEIS: O ganhador(a) terá 48 horas para responder ao e-mail de solicitação do endereço. Caso não responda nesse prazo, será desclassificado(a) e um novo nome será sorteado;

SETE: O blog GETTUB se reserva o direito de dirimir questões não previstas nestas regras.

GANHADORA

Larissa Oliveira (@larynhaoliver)

 


AVALIAÇÃO:


AUTOR: Val EMMICH é escritor, compositor, cantor e ator. Atualmente vive em Jersey City, New Jersey, com sua esposa e os dois filhos. Os prós e os contras de nunca esquecer é seu primeiro livro
TRADUÇÃO: Carolina SELVATICI
EDITORA: Intrínseca
PUBLICAÇÃO: 2019
PÁGINAS: 320


COMPRAR: Amazon